POLÍCIA - Suspeito de matar o próprio pai se apresenta na Delegacia de Caxias

O jovem suspeito de matar o próprio pai no Residencial Eugenio Coutinho se apresentou na manhã desta quarta-feira (10), na Delegacia Regional de Caxias (MA). Ele estava foragido desde o dia 1º de março, data na qual aconteceu o crime. Na delegacia, o adolescente está prestando depoimento as autoridades policiais que ficaram responsáveis pela apuração do caso. A Polícia Civil informou que os detalhes sobre a investigação serão prestados somente no fim do inquérito policial. Entenda o caso Na noite desta segunda-feira (01), um crime assustou os moradores do Residencial Eugênio Coutinho, em Caxias. O mototaxista Clóvis Rodrigues dos Santos foi alvejado com um disparo de revolver na parte de trás da cabeça. O crime aconteceu dentro da casa do mototaxista. Segundo informações preliminares, colhidas pela Polícia Civil, Clóvis chegou em casa, após o dia de trabalho, e procurou pelo revólver que ele mantinha guardado; o filho de Clóvis, um adolescente de 17 anos, teria respondido que a arma estava numa cadeira na porta da casa, Clóvis foi até o local, em seguida o que se ouviu foi o barulho do tiro; a esposa da vítima correu para fora da casa e encontrou o marido caído no chão, morto; o filho adolescente e a arma não estavam mais no local. Vizinhos viram o jovem sair correndo. Essa versão dos fatos foi apresentada pela esposa do mototaxista. A polícia está investigando o caso para descobrir se o crime foi praticado pelo filho da vítima e, se sim, qual teria sido a motivação para o ato. Fonte: Guanaré

Postar um comentário

0 Comentários