CAXIAS - Mesmo com abertura do Carnaval, prefeito Fábio Gentil garante andamento das obras e faz vistoria junto à equipe de Infraestrutura


Obras começam a ficar em ritmo acelerado. 

Na manhã dessa sexta-feira (01) o prefeito de Caxias, Fábio Gentil, acompanhado do secretário municipal de Infraestrutura, Murilo Novais, vistoriaram as obras que estão sendo executadas em Caxias. Em pleno Carnaval, o gestor municipal lembra que não apenas a cultura merece atenção em seu governo, mas também a infraestrutura.
A primeira obra a ser visitada foi o Complexo Municipal de Saúde, obra orçada em mais de 3 milhões e 500 mil reais, e que está sendo executada com recursos próprios. Será uma das maiores obras na área de saúde do interior do Maranhão.
O complexo vai abrigar a urgência e emergência com UTI de 10 leitos e será também um Hospital Pediátrico com UTI, que ainda será construído, todos com atendimento 24h. Serão incrementados ainda os serviços de odontologia, oftalmologia, pediatria e ortopedia. O Complexo vai abrigar duas UTIs: adulto e pediátrica. Com isso, o Hospital Geral vai ficar somente com a parte cirúrgica e internações.
“Nós queremos entregar no prazo de 60 a 90 dias a obra tão desejada dentro do município de Caxias, que é o novo Complexo de Saúde Gentil Filho. Eu tenho certeza que virá em benefício da população. É uma obra de grande investimento, que poucos prefeitos têm coragem de fazer”, destacou Fábio Gentil, prefeito de Caxias.
“É uma obra tão sonhada e feita com recurso próprio. Além disso, estamos construindo outras obras. Apesar de ser uma véspera de Carnaval, nós estamos vistoriando obras”,lembra Murilo Novais, secretário municipal de Infraestrutura.
Em seguida, o prefeito seguiu para o bairro São Francisco, onde iniciou o calçamento de várias ruas no bairro. No local estão sendo implantados os bloquetes de piso intertravado, o mesmo utilizado na obra do Mirante da Balaiada, na Vila São José e Rua Beira Rio, no bairro Ponte.
“Nós estamos visitando aqui no São Francisco um local onde iremos construir uma escola, uma quadra de areia e também uma academia ao ar livre. Tenho certeza que vai beneficiar toda esta comunidade, além de garantir todo o calçamento. No mais tardar até 60 dias vamos dá início ao processo de licitação e, consequentemente, à construção”, ressaltou Fábio Gentil.
A comitiva seguiu para o Shopping da Gente, obra orçada em mais de R$ 7 milhões e 867 mil reais e será responsável pela geração de emprego e renda para os trabalhadores e trabalhadoras de Caxias, tanto direta, quanto indiretamente. A construção está na segunda laje, para posterior trabalho de instalações, acabamento e entrega da obra pronta.
“É necessário que a gente faça uma obra de grande porte como essa dentro do cronograma físico e financeiro. Financeiro dentro do que o município tem e físico conforme determina as regras da engenharia civil. Nosso objetivo é entregar dentro do nosso mandato esta obra que irá mudar a vida das pessoas da economia informal, os camelôs”, destacou o prefeito de Caxias.
“É uma obra que não é convencional. Depois de muito trabalho chegamos à parte convencional e com certeza vai readaptar o cronograma, senão no final desse ano, mas no início do próximo ano”, lembra o secretário municipal de Infraestrutura.
O prefeito Fábio Gentil também visitou outras três obras: O Centro de Iniciação ao Esporte, a construção de um muro de contenção na encosta do Morro do Alecrim e a escola da Vila Paraíso.
O Centro de Iniciação ao Esporte, no Parque da Cidade, é uma obra orçada em 3 milhões e 812 mil reais, em convênio com o Governo Federal. A previsão é que a obra seja entregue ainda este ano. O local vai contar com: ginásio poliesportivo, área de apoio e estrutura de atletismo.
“Nós vamos transformar o Parque da Cidade, um local onde antes era apenas para eventos, agora também terá a parte esportiva. Aqui vamos propiciar aos jovens e à rede escolar um ponto inicial para a prática esportiva. Quem ganha é o município que fez esta parceria com o Governo Federal”, frisa Fábio Gentil.
A construção do muro de contenção do Morro do Alecrim já foi iniciada e tem prazo de 60 dias para ser entregue à comunidade. Orçada em R$ 328 mil reais com recursos próprios, a obra vai utilizar o que há de mais recente em tecnologia de construção, permitindo agilidade e segurança no trabalho realizado.
Já a escola da Vila Paraíso, outro sonho antigo dos moradores do Residencial que tem mais de 3 mil famílias residindo, está orçada em orçada em R$ 1 milhão 922 mil reais, construída com mão de obra local e com recursos do Ministério da Educação. Seguindo todos os padrões de acessibilidade, a estrutura vai contar com 8 salas de aula, laboratório de informática e auditório para 100 pessoas. O prédio já está coberto e em alguns setores o piso já está sendo colocado; as paredes também recebem os cuidados da fase de acabamento, uma das mais delicadas.

Assessoria

Postar um comentário

0 Comentários