Presidente eleito Jair Bolsonaro e futuro Ministro da Justiça irão acelerar processos judiciais de prefeitos que são sustentados no cargo através de liminar. 


A 247 km de São Luís a cidade de Newton Bello com com aproximadamente 12 mil habitantes, vive na expectativa para que a justiça seja feita em decorrência do episódio que envolveu a prisão de cabos eleitorais tanto do prefeito Roberto do Posto, como de uma vereadora do município na campanha eleitoral em 2016. A prisão desses aliados foi realizada pela Polícia Federal que flagrou os mesmos em poder de "santinhos" e uma grande quantia de dinheiro supostamente usado para "aliciar" eleitores.

O que causa estranheza é que o Ministério Público do Maranhão e a própria comarca de Zé Doca, diante de provas da apreensão de uma quantia em dinheiro de forma considerada junto a santinhos do próprio prefeito Roberto do Posto e da vereadora e em meio a tantas provas da apreensão que a Polícia Federal fez, o gestor continua se mantendo no cargo como se nada tivesse acontecido.

Polícia Federal fez sua parte, cabe ao Ministério Público fazer a sua, caso contrário poderá passar por constrangimento após a posse do presidente eleito Jair Bolsonaro e a atuação do futuro Ministro Sérgio Moro. 

Enquanto isso a cidade de Newton Bello amarga a pior gestão de sua história, com muitas ruas esburacadas, saúde precária, reclames dos pais na educação da cidade, escândalos de repercussão nacional como o caso do teto de uma escola com um orçamento de quase 1 Milhão e meio de reais que desabou, trazendo consigo o risco aos alunos entre outros descasos e desmandos da atual administração pública que iremos trazer a tona em outras edições nesta página eletrônica.

Mas os tempos são outros, o prefeito Roberto do Posto que coloque "as barbas de molho", pois nenhuma liminar irá sustentar aqueles que usam do abuso de poder econômico para se manter nas prefeituras do país, principalmente agora com o novo presidente eleito Jair Bolsonaro que indicou recentemente o Juiz Sérgio Moro como super Ministro da Justiça que tem sido o maior combatente contra a corrupção no país.

Fontes fidedignas deste blog já informaram que a cidade de Newton Bello já estaria na lista para dá continuidade no processo referente as supostas compras de votos ocorridas em 2016.

A farra com o dinheiro público no Brasil estão com seus dias contados...

Fonte e redação: Jornalista Análio Júnior - DRT/MTE: 0001413/MA - ZAP: (99)981231637