PlayWebTV

MA recebeu R$ 18,9 bilhões do governo federal nos últimos três anos
POLÍTICA


Valor corresponde às transferências de recursos federais, constitucionais, legais ou voluntárias. Foram mais de R$ 5,9 bilhões apenas em 2017



De janeiro de 2015 a dezembro de 2017, o Estado do Maranhão recebeu exatos R$ 18.991.999.904,12 (dezoito bilhões, novecentos e noventa e um milhões, novecentos e noventa e nove mil, novecentos e quatro reais e doze centavos) em transferências de recursos federais, constitucionais, legais ou voluntárias realizadas pelos governos Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (MDB).
O levantamento foi feito pelo ATUAL7 com base em dados fornecidos pelo Portal da Transparência do Governo Federal, administrado pelo Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU), e captados do Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal (Siafi) e Fundo Nacional da Saúde (FNS).
Segundo o apurado, foram transferidos para o Estado R$ 6.046.187.137,19 (seis bilhões, quarenta e seis milhões, cento e oitenta e sete mil, cento e trinta e sete reais e dezenove centavos) em 2015, quando Dilma comandava o Palácio do Planalto; e R$ 7.045.445.824,61 (sete bilhões, quarenta e cinco milhões, quatrocentos e quarenta e cinco mil, oitocentos e vinte e quatro reais e sessenta e um centavos) em 2016, quando a petista sofreu impeachment no mês de agosto e Temer assumiu o controle, em definitivo, do governo federal.
Já no ano passado, embora menor que nos anos anteriores, os recursos transferidos apenas pelo emedebista, tratado pelo governador Flávio Dino (PCdoB) como desafeto político, não foram tão inferiores.
De acordo com os dados fornecidos pelo Portal da Transparência, exatos R$ 5.900.366.942,32 (cinco bilhões, novecentos milhões, trezentos e sessenta e seis mil, novecentos e quarenta e dois reais e trinta e dois centavos) caíram nas contas do Estado em 2017.
Embora o Palácio dos Leões tenha usurpado esses recursos federais nos últimos três anos, atribuindo ao governo estadual os benefícios alcançados com a destinação da verba, diversas obras e serviços de saneamento, educação, saúde, cultura, segurança, agricultura e assistência social no Maranhão só foram possíveis graças ao dinheiro federal, que continua bancando cada uma delas.
Atual 7

0 comentários