(Crédito: Polícia Civil)
(Crédito: Polícia Civil)
Na tarde desta quarta-feira (20/12), policiais da Delegacia de Homicídios coordenada por Francisco Costa, o ‘Barêtta’, realizaram a apreensão do adolescente de iniciais F.R.A.P., de 17 anos, acusado de ser o autor do assassinato de Cícero Luís Carlos Ferreira da Silva, de 48 anos, no último dia 19 de dezembro, na rua Castelo do Piauí, próximo ao Cemitério do bairro Buenos Aires, na zona Norte de Teresina.
Segundo o delegado, o adolescente confessou o crime afirmando que a motivação foi uma dívida de R$ 10. “Ele mesmo já confessou que atirou porque a vítima estava lhe devendo R$ 10.  Tudo foi motivado por drogas, Cícero pediu esse dinheiro emprestado para comprar drogas e não tinha devolvido ainda. Em depoimento ele ainda afirmou que sempre cobrava o dinheiro de volta, mas era recebido com um facão pela vítima, por isso resolveu ir naquele dia armado”, afirmou.
O menor acrescentou ainda que pensou não ter matado Cícero. A arma utilizada no dia do crime ainda não foi localizada pela polícia. O comparsa do adolescente já foi identificado, mas não foi preso.
De acordo com a polícia, os dois acusados realizaram um assalto a uma joalheria no mesmo bairro e eram perseguidos por alguém no momento em que atiraram contra a vítima, que estava sentado em uma calçada. Cícero Luís realizava trabalhos de capina na região em que foi morto.
Fonte: Portal Meio Norte