Adicionar legenda
A cantora Sandy foi agredida por um fã ao desembarcar no Aeroporto de Aracaju, em Sergipe, onde apresentou o show da turnê “Meu canto”, no último fim de semana. A situação foi registrada pelo próprio admirador da artista, que transmitia, ao vivo, seu primeiro contato com a irmã de Júnior. Desde sexta-feira, as imagens ganharam as redes sociais. No vídeo, o rapaz identificado como Thiago se aproxima de Sandy e pede para que ela autografe seu DVD. Ela atende ao pedido e ainda pergunta se o nome tem a letra “h”. Logo em seguida, Thiago agarra o cabelo da cantora, que grita: “Ai, menino! Ai, meu cabelo!”. Os seguranças reagem, e o jovem perde o DVD.

No domingo, diante das críticas de diversos fã-clubes que veneram Sandy — incluindo ameaças de perseguição —, Thiago voltou às redes sociais para se explicar. De acordo com o adolescente, a confusão aconteceu devido ao comportamento dos seguranças, que o impediram de se aproximar da cantora. “Só queria um abraço mesmo. Quando coloquei o braço sobre o ombro e o pescoço dela, os seguranças seguraram no meu braço e me puxaram. Com isso, os cabelos dela devem ter enrolado nos braços deles também. Não tive culpa”, justificou.

Mais tarde, nesse mesmo vídeo, Thiago assume um lado da culpa. “Foi algo mais forte do que eu, uma impossibilidade que a emoção tomou conta de mim. Não sou louco e não sou psicótico. Sou apenas um fã, assim como qualquer outro. Foi uma coisa de coragem, de eu querer abraçar ela meio à força. Mas deu nisso... Peço muito perdão a Sandy. Não queria causar constrangimento”.
Msn