Uma mulher de 27 anos foi presa acusada de matar a própria filha de 2 anos, assada em uma churrasqueira. De acordo com Daily Mail, os vizinhos ouviram gritos vindos da garagem da casa e, em seguida, muita fumaça. O caso chocante aconteceu em Bruxelas, na Bélgica.
O corpo da menina queimado foi encontrado pelos polícias na grade da churrasqueira e a mãe do lado.
“Todos temos que queimar. Essa é a única maneira de ir para o céu”, disse a mãe aos agentes que entraram na casa.
Moradores ainda informaram que suspeita estava depressiva após passar por um divórcio. Ela foi levada para a delegacia, mas não foi interrogada por não apresentar condições mentais.