Foto: Reprodução
Uma jovem de 20 anos identificada como Tatiane Dias da Silva, foi assassinada a tiros após reagir a uma cantada com tapa, na noite deste sábado (19), na cidade no distrito de Rio Brilhante, no Mato Grosso do Sul. A vítima estaria grávida de um mês.
De acordo com o site do Sistema Globo, o crime aconteceu dentro da casa da vítima. Conforme uma vizinha, Tatiane e o namorado estavam bebendo com um grupo de amigos na varanda de casa quando a bebida acabou e eles resolveram ir ao bar da frente para comprar mais.
Ao chegarem ao local, um cliente assediou a moça, mas ela teria o ignorado. O homem insistiu no flerte e passou a mão nela. Tatiane então revidou atitude com um tapa no rosto dele. Indignado, o suspeito afirmou que iria matá-la, mas ela não levou a ameaça em consideração.
O homem deixou o bar transtornado e minutos depois, armado, ele invadiu a casa da jovem e atirou cinco vezes em sua direção, quatro disparos a atingiram na costa e outro o braço. A vítima morreu no local. O acusado conseguiu fugir e até o momento não foi encontrado.