A feira teve início às 08h da manhã e seguiu até às 15h. 

A Feirinha da Gente foi inaugurada oficialmente no último domingo (23) pela Prefeitura de Caxias por meio da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres e Secretaria Adjunta de Turismo, na Praça Vespasiano Ramos (largo da Igreja de São Benedito) no Centro da cidade.
A feira que reúne uma variedade de produtos e serviços de micro e pequenos empreendedores, também conta com a parceria da Secretaria Municipal de Cultura, Turismo, Patrimônio Histórico, Esporte e Juventude; Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca; Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social; Secretaria Municipal de Indústria e Comercio; Secretaria Municipal de Infraestrutura; Secretaria Municipal de Saúde; Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Defesa Civil; Academia Caxiense de Letras e do Serviço de Apoio as Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE). Os secretários Taniery Cantalice e Fernando Santos, que estiveram envolvidos diretamente na realização do evento, destacaram a relevância da feira para o município.


“Está sendo um sucesso. A gente divulgou bastante para que isso acontecesse. Está tudo bem organizado, os feirantes estão felizes por a gente perceber que está tendo público. O interessante é que os caxienses, familiares e turistas venham prestigiar a nossa feirinha que vai ser todo domingo aqui. Que a gente consuma as coisas da nossa cidade, dos nossos feirantes, para nós darmos oportunidade a eles”, disse Taniery Cantalice, secretária de Políticas Públicas para as Mulheres.
“Essa é mais uma iniciativa do prefeito Fábio Gentil, gerando emprego, renda para a comunidade. Temos pessoas da agricultura familiar expondo seus produtos diretos do campo para as famílias com preços diferenciados; temos o artesanato e nós temos outros produtos, como livros, culinária, uma opção é que se venha tomar café e almoçar aos domingos aqui, uma vez que o domingo é aquele dia em que agente não quer ter trabalho de fazer comida. Além disso tem um parquinho aqui para as crianças se divertirem, enquanto os pais conversam e visitam as barracas e vão às compras. A ideia é dinamizar a economia, a ideia é que os turistas quando vêm a Caxias, possam vir antes aqui na Feirinha”, explica Fernando Santos, secretário Adjunto de Turismo.


“É o prefeito Fábio Gentil cumprindo as metas que prometeu em campanha. A feirinha dá movimento à cidade, dá oportunidade aos feirantes, aumentando sua renda e seu giro. Nós estamos convidando a população de Caxias, que está começando hoje e vai acontecer todos os domingos depois da missa”, reforça Murilo Novais, secretário de Infraestrutura.
“As secretarias se irmanaram para realizar esse evento. A gente está contente. É a primeira, mas nós queremos fazer todos os domingos esse projeto, e é uma oportunidade. É uma perspectiva de gerar novas oportunidades para os agricultores e agricultoras, os artesãos. Como é o primeiro momento, havia uma insegurança, mas nós estamos assegurando que todos os produtos que não forem comercializados, serão encaminhados para o PAA”,enfatizou Ney Jefferson, secretário de Agricultura, Abastecimento e Pesca.
A feira teve início às 08h da manhã e seguiu até às 15h. As barracas foram instaladas, onde foram expostos produtos da agricultura familiar, como abóbora, cheiro verde, feijão, fava, melancia e melão. O consumidor encontrou uma variedade de comidas típicas da gastronomia local; o rico artesanato da “Princesa do Sertão”, como: quadros, peças feitas com pneus; bijuterias; até cerveja produzida artesanalmente; flores; livros, roupas dentre outros. As atrações musicais ficaram por conta das bandas de música municipal, grupos, cantores locais e grupos folclóricos. Todos os aproximadamente 50 feirantes mobilizados passaram por uma capacitação ministrada pelo SEBRAE, para bem receber a clientela.
“O SEBRAE entrou com a parte de capacitação, muito importante, para que os feirantes, os expositores venham preparados para gerenciar seu negócio, atender bem os clientes, fazendo com que esse cliente seja um cliente fiel, que ele retorne todos os domingos. O objetivo é fazer com que a economia do município dê uma alavancada”, destacou César Guimarães, gerente da unidade regional do SEBRAE.


“Esses movimentos representam vida, economia, as pessoas se congregam, é interessante, é importante. Em tempos difíceis é necessário fazer várias coisas. Parabéns a todos por criarem oportunidades”, afirmou o padre José Ribamar.
O artesão Ernandes Damasceno, que utiliza pneus para produzir cadeiras, pula-pula, pufes, dentre outros produtos, falou da importância da Feirinha para a exposição e comercialização dos seus produtos.
“É um trabalho ecologicamente correto. O pneu é tido como o patinho feio da reciclagem, mas a gente consegue fazer essas obras de artes maravilhosas. Eu gosto do que eu faço e a Feirinha é muito importante para a divulgação e para sairmos do anonimato”, acredita Ernandes Damasceno, artesão.
O artesão Pedro Arcanjo, que produz quadros com imagens de pontos turísticos da cidade de Caxias utilizando a técnica da Pirogravura, acredita que a Feirinha tende a melhorar a economia dos pequenos empreendedores.
“A cidade estava carente de um espaço como esse. Esse pessoal aqui está todo ocioso e agora tem oportunidade para mostrar, e até para a cidade em si, chama atenção. Você vê a primeira desse jeito, lotada, as próximas serão melhores ainda”, destacou Pedro Arcanjo, artesão.
Ainda no campo do artesanato, Yves de Moraes levou à Feirinha da Gente a cerveja produzida artesanalmente.
“É toda caseira. Fazemos em casa, com muito cuidado. Nós fazemos a cerveja de trigo e o malte de trigo e o malte da cevada. Comparando com as cervejas comerciais, as cervejas comerciais são 50% de milho, nós não usamos milho, nós usamos o puro malte, que é importado, vem da Bélgica, da Alemanha. Então, é uma cerveja com aroma que agrada todo cliente” explica Yves de Moraes, cervejeiro.
Os agricultores familiares Rosa Maria e seu Francisco Rodrigues, que levaram à Feirinha produtos trazidos das comunidades Belenzinho e Caxirimbu, destacaram a relevância da nova janela de oportunidades que se abre no município.
“Eu trouxe a abóbora, a tapioca, o mamão, a pimenta, vinagreira, o limão e o cheiro verde. É mais uma oportunidade” diz dona Rosa Maria, agricultora familiar do povoado Belenzinho.
“Nós trouxemos a banana, quiabo, laranja, mamão, farinha. Isso aqui é muito bom. Nós vamos dá continuidade. Nós temos essa variedade e é bem barato. Todos estão convidados”, afirma Francisco Rodrigues, agricultor familiar do povoado Caxirimbú.
“É muito importante essa feira, porque tanto o consumidor como o vendedor saem ganhando. Eu gosto muito de artesanato, o tempero, comida, comidinha rural, o cheiro verde, tudo bem natural, faz bem para a saúde”, diz Isabel Soares, consumidora.


“É uma ideia louvável você criar uma oportunidade para os artesãos, os produtores rurais. É um espaço onde as pessoas podem se encontrar, socializar. Estamos vendo várias pessoas se reencontrando na praça. Eu quero parabenizar esta iniciativa, e que se mantenha, que seja todos os domingos como foi anunciado, porque cria um vínculo com o cidadão caxiense”, expressou Gilvaldo Quinzeiro, professor e produtor cultural.
O prefeito Fábio Gentil, que fez questão de prestigiar e cumprimentar todos os feirantes, ressaltou que o compromisso da administração municipal é criar alternativas para dinamizar a economia local, gerando emprego e renda, e motivos para que os turistas possam retornar à cidade.
“Eu quero agradecer as parcerias com o SEBRAE e as secretarias. É importante porque nós colocamos os produtos para que povo possa conhecer. Valorizar acima de tudo, espaços como esse. Então, o nosso objetivo é apresentar os produtos caxienses todos domingos das 08hs às 15hs, produtos que estavam no anonimato. Hoje a gente propõe essa exposição, onde o povo conhece e divulga os produtos fora do município de Caxias, gerando oportunidade, gerando essa economia que também o município de Caxias precisa para que esses pais de família possam continuar sustentando seus filhos e suas famílias. O nosso compromisso é que ela seja permanente para que as pessoas possam prestigiar e valorizar. Nós temos que dá valor ao que é da terra. Nesse domingo já está sendo um sucesso, e eu tenho certeza que nos próximos domingos será sucesso mais ainda, e quem ganha nessa história toda é a população de Caxias. Eu tenho certeza que vamos colher os frutos das sementes que estamos plantando” lembrou Fábio Gentil, prefeito de Caxias.
Além da exposição e comercialização dos produtos, a feirinha também contou com apresentações culturais. Um grupo de jovens atendidos pelo Centro da Juventude do Bairro Ponte realizou uma apresentação com a dança de rua. Em seguida, duas atrações musicais se apresentaram no espaço da feirinha, Marechal e Rogério Dumont.
Confira mais fotos: