Caso aconteceu em Barretos. 

Uma jovem teve a cabeça e sobrancelha raspada e foi obrigada a andar nua pela rua por uma mulher que foi supostamente traída pelo companheiro, no último dia 22. Ela e mais duas amigas ainda expuseram a jovem à uma região violenta, nua e desprotegida, além de gravar um vídeo da ação e expor o ato no Facebook.
Segundo Marcos Eduardo Marques, delegado que cuida do caso, os motivos são claros “A intenção da autora foi mais motivado pela vingança. Ela não fez para ter uma certeza, uma confissão. No fundo, essa certeza ela já tinha. O que ela fez foi se vingar da vítima. Raspar a cabeça, tirar a roupa e soltar ela nua pela rua foi uma maneira de humilhar”, disse.