Walber Salazar Pereira estava trazendo a droga de São Paulo para Codó. (Foto: Reprodução/TV Mirante). 


Polícia Militar de Codó, a 290 km de São Luís, prendeu Walber Salazar Pereira, suspeito de praticar o tráfico de drogas na região. Durante sua prisão, a polícia encontrou em sua mochila 25 kg de maconha que estavam escondidas. Walber fazia viagens para São Paulo mesmo sem dizer o motivo aos seus familiares.

A atividade suspeita chamou a atenção da polícia que começou a monitorá-lo.
Os policiais militares entraram como passageiros no ônibus que ele estava no município de Capinzal do Norte, no Maranhão. Ao descer do ônibus, os policiais abordaram Walber e ele recebeu voz de prisão.

Segundo o Tenente-Coronel Jurandy Braga, após a constatação que ele portava a droga o suspeito decidiu se defender. “Ele alegou que era só um carregador que estava trazendo a droga de alguém para alguém, de São Paulo para Codó. Mas o traficante é aquele que é surpreendido e flagrado carregando a substância entorpecente”, disse.

Ainda segundo o militar, somente em duas prisões já realizadas em Codó, foram apreendidos cerca de 102 kg de entorpecentes e ele afirma que a polícia deve intensificar as fiscalizações. “São 102 kg só em duas apreensões. A polícia militar em Codó vai continuar realizando o serviço de inteligência e partindo para cima do tráfico de drogas”, afirmou.

De acordo com a Policia Civil, que também acompanha o caso, o dono da maconha que Walber transportava está preso há meses em um presídio do município de Codó. Segundo o delegado Rômulo Vasconcelos a esposa do detento, que está em liberdade, continua comandando o tráfico de drogas na região. “Ele também é conhecido como Jeremias, vulgo Jereba, está preso por tráfico de drogas. Após sua prisão sua companheira ficou na manutenção do tráfico. É a segunda vez que esse rapaz vai em São Paulo para trazer droga. Inicialmente ele trouxe 10 kg agora ele trouxe 25 kg de droga prensada tipo alecrim”, finalizou.

G1 Ma