Andrea é alvo da mesma operação da Polícia Federal

São Paulo – A irmã do senador Aécio Neves, Andrea Neves, foi presa pela Polícia Federal em Belo Horizonte, Minas Gerais, segundo a Globo.
Andrea é alvo da mesma operação da Polícia Federal que está investigando o senador, após a delação de Joesley Batista, dono da JBS.
A PF fez, desde a manhã, buscas nos apartamentos e no gabinete de Aécio Neves, bem como no de Rodrigo Rocha Loures, deputado do PMDB, por envolvimento em corrupção.
Aécio Neves e Rocha Loures foram afastados de seus cargos. A PGR pediu a prisão do senador, mas o ministro Edson Fachin concedeu o afastamento e vai encaminhar a decisão para plenário no STF.
Aécio foi gravado solicitando R$ 2 milhões ao empresário e Rocha Loures foi filmado pela Polícia Federal recebendo valores do empresário.
Na conversa gravada, Joesley e Aécio negociam de que forma seria feita a entrega do dinheiro. O empresário teria dito que se o senador recebesse pessoalmente o dinheiro, ele mesmo, Joesley, faria a entrega.
Msn