A cidade de Caxias, e principalmente a classe política foi pega de surpresa no início da noite desta terça-feira (21), com o suicídio do vereador Evilázio do PAM (SD).

Os primeiros relatos dão conta de que o parlamentar estaria sozinho em sua residência no Conjunto Cohab e teria dado cabo à própria vida com um tiro na cabeça.

Segundo informações da polícia, a primeira pessoa a chegar na residência teria sido a filha do vereador que após insistentes ligações para o celular do mesmo, resolveu ir à casa e se deparou o pai já sem vida sobre a cama de seu quarto.

Neste exato momento, a perícia está no local com homens da polícia civil e militar colhendo as primeiras informações. O revólver calibre 38 foi localizado.

De acordo com o delgado regional Jair Paiva, uma outra equipe de peritos de Timon está se deslocando até Caxias para relatar a cena do ocorrido, que a princípio se trata de um suicídio, mas, é necessário outros procedimentos para se confirmar o fato.

A cena do fatídico está sendo preservada até a chagada da equipe de perícia.

Evilásio Roque Ramios, 48 anos, tinha como profissão enfermeiro, era casado e foi eleito pela primeira vez em outubro do ano passado com 1.111 votos, sendo o segundo colocado na coligação Amizade, Solidariedade e Trabalho.

Na sequência natural, o seu substituto é Antônio Ramos Corrêa, o Ramos, terceiro colocado com 959 votos obtidos.

Fonte: Capital do Leste