Novo prefeito terá trabalho para recuperar obras mau feitas pela gestão anterior. 

Mesmo após a derrota nas urnas em 2016, o ex-prefeito Leonardo Coutinho vem colhendo ainda o ônus após a pífia administração que fez entre 2013 a 2016 em Caxias. Muito se esperava do "menino prodígio" de HC, mas ficou apenas no se, pois a cidade amargurou um descaso e desmandos sem tamanho fazendo com que o povo se rebelasse e optado pela alternância de poder, como de fato aconteceu.

O ex-prefeito ainda tentou reverter sua impopularidade fazendo um jogo de marketing fenomenal ao inaugurar e reformar diversas obras em escolas, creches, postos de saúde, entre outros Orgãos públicos em tempo record. Essa velocidade chamou a atenção de muitos engenheiros e arquitetos na época e até mesmo Catulé e Fábio Gentil na Câmara Municipal já alertavam da artimanha que LC e seu grupo estavam fazendo para tentar ludibriar a todos que essas obras não passavam de obras eleitoreiras e mau feitas.

Não deu outra. Na noite chuvosa desta sesta-feira(10), o muro com grades da escola recém reformada há menos de um ano, Antônio Bayma localizada no bairro Nova Caxias desabou, mostrando mais uma vez o despreparo de uma gestão que o povo não esperava a hora de acabar. A preocupação da antiga gestão é condenada pelas imagens, onde pelo visto se preocupavam apenas em aparência, quantidade, só que a qualidade dos serviços estão sendo testadas em momentos como este.

A população caxiense espera que o novo governo na administração do prefeito Fábio Gentil, possa fazer obras que sejam duradouras tanto em tempos de verão, como em tempos chuvosos, e que o dinheiro público não seja desperdiçado após novas obras e reformas em invernos futuros.






Mais duas do ex-prefeito obras causa transtorno em Caxias, detalhes na próxima matéria...


Fotos: Idewilson Santos.