Presidente da Câmara Catulé ladeado do 1º Secretário Moises de Holanda e 2º Secretário Durval Jr. 


Em sessão extraordinária durante o recesso aos trabalhos legislativos, a Câmara Municipal de Caxias presidida pelo vereador Catulé aprovou por unanimidade dois projetos de lei. Um deles foi a reforma administrativa aprovando a redução de secretarias de 29 para 11. O outro projeto de lei aprovado também por unanimidade, foi a abertura de crédito adicional suplementar da repatriação retida pela Justiça Federal na ordem de R$5 milhões de reais.

A sessão foi interrompida por cinco minutos para que o vereador Mário Assunção apreciasse o documento. Em seguida os trabalhos foram retornados e a votação seguiu com todos votando pela aprovação do projeto de lei. A próxima sessão extraordinária acontece na terça-feira 10 de janeiro.

"O primeiro projeto libera o prefeito e os secretários para poderem trabalhar, e foki de grande relevância porque a máquina pública estava inchada com 29 secretarias que foram reduzidas neste novo governo para 11, que significa um azeitamento da máquina para ela funcionar com mais agilidade e recursos que irão diminuir e que serão usados em outras áreas com mais aptidão com saúde e educação", disse o presidente Catulé em entrevista ao blog.

Mário Assunção pediu vista dos documentos durante 5 minutos de interrupção da sessão. 






Fonte: Análio Jr
Informações Jean Teles