Jornalista Rafael Henzel está internado em um hospital da Colômbia (Foto: Reprodução/Twitter)
Já Alan Ruschel passou por cirurgia e segue em observação, enquanto o zagueiro Neto também foi operado e está internado. O quadro de Neto é estável, mas ele vai precisar passar por uma nova cirurgia no nariz. Outro que foi resgatado com vida dos destroços foi o goleiro Danilo. Porém, ele não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. 
O Instituto Médico de Medellín concluiu a identificação dos corpos e eles vão passar por tratamento para serem transportados para o Brasil. A expectativa é de que os corpos cheguem ao país a partir de sexta-feira (2). Um velório coletivo vai ser realizado no gramado da Arena Condá, onde a Chapecoense manda seus jogos. A expectativa é que 100 mil pessoas participem da cerimônia. 
Um dos sobreviventes da tragédia com o avião que transportava a Chapecoense, o jornalista Rafael Henzel, da rádio Oeste Capital de Chapecó, abriu os olhos e tentou se comunicar. Henzel segue internado e seu estado de saúde é estável.
Além de Henzel, foram resgatados com vida o goleiro Jackson Follman, o lateral Allan Ruschel, o zagueiro Neto e os tripulantes da aeronave Erwin Tumiri e Ximena Suárez. Follman teve a perna direita amputada do joelho para baixo e corre o risco de ter de amputar a outra.

Correio 24h