Jackson Follman teve a perna direita amputada e tem problemas também na perna esquerda. Alan Ruschel passou por uma cirurgia na coluna, mas está estabilizado

Por Medellín, Colômbia
Último dos jogadores da Chapecoense resgatado após o acidente aéreo na madrugada desta terça-feira, o zagueiro Neto passou por uma cirurgia bem sucedida com drenos no tórax. Não foram encontrados coágulos no cérebro, apenas um edema. Desta forma, a situação do atleta é menos grave do que se esperava. Ele, no entanto, ainda terá que fazer cirurgias no joelho, mão, nariz e crânio, todas de reparação, segundo o chefe dos médicos.

O goleiro Jackson Follmann, de 24 anos, teve de amputar a perna direita do joelho para baixo. Na perna esquerda, ele tem sérios problemas musculares e vasculares. Já o lateral Alan Ruschel, primeiro a ser resgatado, passou por uma cirurgia na coluna. Sua situação é estável no momento.

O narrador Rafael Henzel está com estado instável por causa de problemas no pulmão ocasionados pelas fraturas nas vértebras. Será preciso aguardar que a situação se estabilize para que ele possa operar.


Fonte: G1