Estudante de psicologia e irmão são presos por extorsão e pedofilia no MA (Foto: Divulgação/SSP-MA)Os dois foram autuados por extorsão, pedofilia e pela Lei 'Carolina Dieckman' (Foto: Divulgação/SSP-MA)

Irmãos criavam perfis falsos para seduzir jovens e obter fotos e vídeos. 
Eles foram presos nesta quinta (3) no bairro da Liberdade em São Luís.


O estudante de psicologia da Universidade Federal do Maranhão, Thiago Silva Prazeres, de 29 anos, foi preso pela Superintendência Estadual de Investigação Criminal (Seic) suspeito de pedofilia e extorsão. O irmão dele identificado como Taylor José Silva Prazeres, também acabou sendo preso por ligação nos crimes. Foram mais de seis meses de investigações antes da prisão dos suspeitos.

Os suspeitos foram presos no bairro da Liberdade na tarde desta quinta-feira (3). Na residência deles foram apreendidos seis discos rígidos (HDs internos) contendo vídeos e fotos de vítimas, incluindo menores de idade.

De acordo com o delegado Odilardo Muniz, chefe Departamento de Combate a Crimes Tecnológicos (DCCT), Thiago e o irmão criavam os perfis falsos em uma rede social para atrair mulheres de todas as idades. Com fotos de “galãs” nos perfis Eles induziam as vítimas a mandarem fotos e vídeos comprometedores.
Foram apreendidos seis HDs internos contendo vídeos e fotos de vítimas, incluindo menores de idade. (Foto: Divulgação/SSP-MA)Foram apreendidos 6 HDs com vídeos e fotos de vítimas, incluindo de menores (Foto: Divulgação/SSP-MA)
Quando conseguiam as imagens passavam a extorqui-las. “De posse das imagens, eles passavam a extorquir as vítimas por meio de pressões psicológicas para que tal material não fosse divulgado nas redes sociais”, disse o delegado que disse ter tido um caso onde a vítima pensou até mesmo em suicídio.

Thiago e Taylor foram autuados por extorsão ameaça e no artigo 154-A da Lei Carolina Dieckman, que é violação de dispositivo informático. O material, apreendido será encaminhado para análise da Perícia Criminal.
Fonte: G1 Ma