PlayWebTV

ELEIÇÕES 2016: Pesquisa mostra que Wellington é quem mais cresce na preferência do eleitorado em São Luís

Escutec mostra que Wellington é quem mais cresce na preferência do eleitorado
POLÍTICA


Pré-candidato a prefeito de São Luís pelo PP avançou de 6,6% para 17,5%

Nova rodada de pesquisas do Instituto Escutec/O Estado, divulgada neste sábado 2, mostra que o deputado estadual e pré-candidato à prefeito de São Luís, Wellington do Curso (PP), é quem mais cresce na preferência do eleitorado ludovicense.
A avanço é apontado no comparativo com o levantamento anterior do Escutec/O Estado, divulgado em abril último.
Apesar de ter lançado oficialmente sua pré-candidatura há pouco mais de duas semanas, e de ainda não ter firmado aliança com outras legendas, Wellington avançou de 6,6% na intenção de votos para 17,5%. O avanço confirma a consolidação do pré-candidato do PP como terceira via, já que seus principais adversários, embora em lados distintos na disputa, fazem parte do mesmo grupo político, e possuem os mesmos padrinhos, o governador Flávio Dino (PCdoB) e o presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Humberto Coutinho (PDT).
Os novos números da Escutec mostram ainda que a deputada federal e pré-candidata Eliziane Gama (PPS) caiu.
Em Abril, Gama chegou a pontuar 26% na preferência do eleitoral. Na nova rodada de pesquisas do instituto, porém, ela marcou apenas 22,4%. Como até então, em comparação com levantamentos de outros institutos, Gama seguia estagnada, a queda pode estar ligada à aliança firmada por ela com o deputado federal e ex-prefeito de São Luís, João Castelo (PSDB), a quem Gama até recentemente chamava por 'Caostelo'.
Já o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que concorre à reeleição apesar do alto índice de rejeição à sua gestão, conseguiu uma proeza não esperada por seus adversários e até por alguns de seus aliados.
No novo levantamento Escutec/Estado, Edivaldo pontuou 20,8%. No levantamento de abril, o pedetista apareceu com apenas 16,3%. O pequeno avanço de Edivaldo pode estar ligado à serie de usurpação de obras alheias.
Da pesquisa de abril pra cá, por exemplo, o pedetista vinha entregando casas do governo federal, e inaugurando obras do governo estadual, como a Ponte Pai Inácio e a Praça da Lagoa na Jansen, como se fossem de sua autoria.
A nova rodada de pesquisa Escutec foi realizada entre os dias 28 de junho a 1º de julho. Foram ouvidos 1 mil eleitores. O levantamento tem margem de erro de 3 pontos para mais, ou para menos, e um intervalo de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o número 07983/2016.

Fonte: Atual 7

0 comentários