Tatiana Albuquerque Cutrim Alves foi encontrada morta no sábado (23).
Ela estava com uma corrente no pescoço e levou vários golpes de faca.

Do G1 MA


A Polícia Militar apreendeu na manhã desta segunda-feira (25), em Santa Inês, um casal de adolescentes suspeitos de assassinar Tatiana Albuquerque Cutrim Alves, de 49 anos. Ela era mãe adotiva da jovem de 14 anos e foi encontrada morta no último sábado (23).

Segundo o Coronel Machado, da Regional de Santa Inês, o jovem de 16 anos, namorado da adolescente, confessou que deu os golpes de faca que levaram Tatiana a morte. Ainda segundo o jovem, a namorada que teria planejado o crime e ajudou segurando a mãe para que ele a esfaqueasse. O PM disse que a jovem também confessou ter planejado o crime.

O casal foi encontrado em um cruzamento do bairro Sabak. Eles estavam carregando mochilas e, segundo o jovem, procuravam uma casa para alugar. “Ele disse que veio para a casa de um amigo, mas o jovem está em São Luís. Então, estavam procurando uma casa para alugar”, explicou o Coronel Machado.

A polícia suspeita que a motivação do crime teria sido o fato da mãe se opor ao relacionamento da filha com o jovem. O delegado da Delegacia de Homicídios, Estefânio Aragão, disse ao G1  que nos últimos dias Tatiana e a filha estavam discutindo com frequência.

“Nós conseguimos apurar por lá com os familiares é que a vítima não aceitava o namoro da filha e por conta disso mesmo elas estavam brigando com muita frequência, o que faz da menina e o seu namorado os principais suspeitos do homicídio”, revelou.

Os menores serão levados a São Luís, onde prestarão depoimento à Polícia Civil.

Fonte: G1 Ma