Como parte das ações do Sistema SAF (SAF, Agerp e Iterma) 2016, foi realizado nos dia 10 e 11 de março, curso de Capacitação dos Técnicos que atuam nos 30 municípios do Plano Mais IDH, com assistência técnica e extensão rural qualificada e continuada.

O objetivo da capacitação é ampliar a capacidade de produção das famílias dos municípios de menor IDH do estado. Com o recurso de R$ 20 milhões anunciado pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) o número de famílias atingidas passa de 3 mil para 9 mil beneficiadas com assistência técnica continuada. Os recursos do Governo Federal também são destinados à aquisição de caminhões que transportarão produtos agrícolas nas cidades que integram o Plano Mais IDH.

Para a coordenadora do Plano Mais IDH, Anailde Everton, a capacitação dos técnicos é fundamental para o crescimento da produtividade do homem do campo. “É através da assistência técnica que vamos alavancar a produção dos agricultores familiares e consequentemente o Maranhão”, disse.

De acordo com a engenheira agrônoma do município de Pedro do Rosário e participante do curso, Suelen Arruda, a capacitação garante um trabalho com mais eficiência. “Com esse treinamento podemos atender a cada vez mais famílias corretamente”, explicou.
Ações como essa funcionam como trocas, tanto de experiências como de conhecimentos. Os técnicos capacitados servirão de multiplicadores de informação, repassando o conteúdo aprendido no curso para os demais técnicos e agricultores formando uma espécie de cadeia informativa.

“Vamos continuar apoiando a produção e os agricultores familiares. Acreditamos que esse é o caminho correto, investir na educação e na produção. Nós temos uma crença profunda de que estamos no caminho correto”, destacou Adelmo Soares, secretário de Estado da Agricultura Familiar- SAF.

Guilherme Tavira, diretor de Assistência Técnica e Extensão Rural do MDA e um dos responsáveis pela capacitação, pontuou que a atividade é uma oportunidade de verificar e mensurar o que os técnicos já fazem e o que podem fazer a mais no campo. “Essa capacitação superou nossas expectativas, vimos muitos técnicos empenhados em fazer a mudança na produtividade das famílias de agricultores familiares”, finalizou.

Participaram da capacitação Cynthia Calbean e Caio Pompeia Neto, ambos do MDS, coordenadores de Ater da Agerp e Gestores Regionais da Agerp