As ações de combate ao mosquito Aedes Aegypti foram intensificadas nas escolas da rede municipal de Aldeias Altas. A iniciativa faz parte da campanha Zika Zero, promovida pelo Governo Federal e que visa mobilizar todas as escolas do país no combate ao vírus Zika, à dengue e à febre Chikungunya.

Entre as ações de enfrentamento ao Aedes está o projeto “Todos Contra o Mosquito”, que já vem sendo desenvolvido na rede de ensino no município. A campanha conta com parcerias entre as secretarias de Educação, Saúde e Meio Ambiente.

Desde o dia 19 de fevereiro o trabalho de conscientização sobre a importância de prevenir e eliminar focos do mosquito já vem sendo realizado por meio de reuniões, onde os Agentes de Saúde palestram para a classe estudantil e pais de alunos em sala de aula, numa frente de sensibilização contra o Aedes.

Nesta sexta-feira (4), a Campanha “Todos Contra o Mosquito” volta às ruas de Aldeias Altas. Uma passeata com início às 8h da manhã tenta chamar a atenção da comunidade para o problema. Grupos sairão das unidades de ensino e percorrerão as principais ruas do centro da cidade com a distribuição de panfletos, sacos de lixos e ao final, na Praça Gonçalves Dias, haverá apresentações de alunos com trabalhos cujo tema é a prevenção do Aedes Aegypti...

“Nós temos que conseguir conscientizar a população para limpar a casa e não deixar água parada e ninguém melhor do que a classe estudantil para ser multiplicadora contra a praga que é esse mosquito tão perigoso. Compreendemos a gravidade da doença e da situação, mas é preciso que cada um faça a sua parte e não fique inerte diante desse assunto,”, enfatizou o prefeito Dr. Tinoco.

Conforme explica a secretário municipal de Educação, Edivana Ferreira, em Aldeias Altas a campanha vai mobilizar profissionais da educação, alunos da rede municipal e, consequentemente, todos os seus familiares e vizinhos. “A rede municipal estará 100% empenhada nessa luta. E tenho certeza que com esse trabalho em conjunto o resultado será muito positivo”, disse.

O Secretário de Saúde Waldeck Pinho, salientou que a prevenção é a melhor alternativa contra o Aedes Aegypti e que a mobilização das redes pública de educação, em parceria com outros setores da municipalidade fará a diferença para combater ao mosquito.

Após a ação desta sexta-feira, o trabalho vai continuar entre os dias 8 a 11 de março, com a capacitação dos Alunos Agentes realizada pelos Agentes Municipais de Saúde. E no dia 18, com a realização do Dia “D” nas escolas, com mutirão de coleta e remoção do lixo, vedação de caixa d´água, tanques, poços e dentre outras ações.

ASCOM: Aldeias Altas/2016