A Prefeitura de São João do Sóter, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), realizou no final do mês de janeiro, a VIII Jornada Pedagógica para professores das escolas nas zonas urbana e rural. A jornada estabelece metas para a melhoria do processo da aprendizagem em todas as modalidades de ensino e visa alcançar bons resultados na Prova Brasil deste ano.

O evento trouxe como tema: Inclusão Educacional: Diálogo, Compreensão e Ação. O encontro aconteceu no Ginásio Carlito Mendes, anexo a escola Roseana Sarney, e mobilizou todos os educadores da rede de ensino do município, tendo a frente a equipe pedagógica da Secretaria de Educação.

Na abertura da Jornada estiveram presentes também os vereadores Nonato de Deus, Lainara do Ló e Reginaldo Alencar, Secretários, Coordenadores e Assessores Municipais.

Compartilhar e construir saberes, além de consolidar o plano de ensino para 2016 das escolas municipais, estava entre os objetivos do evento. Os debates abordaram temáticas nas diversas áreas do conhecimento e modalidades, cujos temas, relacionados ao processo ensino-aprendizagem à luz da educação inclusiva, visando melhorar a prática pedagógica de nossos profissionais e a qualidade da educação na rede municipal de São João do Sóter.



“Esse encontro é de suma importância para preparar os professores que vão encarar o ano letivo buscando melhores índices educacionais. A gente traça os objetivos, e, no decorrer do ano, vamos trabalhar para conseguir isso”, enfatizou a Secretária de Educação Joelma Coutinho.

De acordo com a prefeita Luiza Rocha, a Jornada Pedagógica é muito importante para nortear as ações educativas durante todo o ano, por isso é fundamental que todo o planejamento seja proveitoso “O Município tem feito sua parte, primeiro dando a infraestrutura para alunos, professores e funcionários, com uma escola de qualidade, em seguida salários em dia e com o piso exigido pelo MEC“, frisou a prefeita.



Os temas foram discutidos também durante as oficinas, com a participação das palestrantes Marilda de Fátima Lopes Rosa, que falou sobre os valores humanos na integração da diversidade e Natalia Reis, Diretora do Centro de Autismo de Belém do Pará. Ao final da jornada, cada grupo apresentou sua proposta e entendimento sobre o tema proposto.

“Esse ano a Semed repetiu uma metodologia a nosso ver muito correta, que é a jornada pedagógica. Durante todo o evento debateram e refletiram sobre o contexto educacional em São João do Sóter e no final, todos formataram um plano de ação, com o objetivo de avançar nos índices do Ideb”, disse a vice-prefeita Josa.

Por Mano Santos e Análio Júnior

Fotos: Ccom São João