Elenilson Craveiro de Sousa, de 26 anos, morreu vítima de agressão à pedrada na cabeça, quando trafegava numa via alternativa de acesso ao Balneário Veneza em Caxias. Ele residia no bairro Tamarineiro e não tinha antecedentes criminais.

A polícia descarta latrocínio já que foi encontrado um relógio ainda no pulso e uma pequena quantia em dinheiro. Elenilson foi a 15ª morte violenta registrada em janeiro na cidade de Caxias e região, incluindo os municípios de Aldeias Altas e São João do Sóter.
Os acidentes de trânsito representaram 60% dos óbitos. Já as mortes por arma de fogo representaram 20%.

Em janeiro também foram registradas duas tentativas de homicídio além de outros seis acidentes sem vítimas, nas estradas que cortam o município, sendo quatro na BR 316, próximo ao Pólo Industrial e um na MA 034 no sentido Caxias a Coelho Neto e um na zona urbana da cidade.

Veja os números
2 acidentes na BR 316 com dois óbitos
2 acidentes na MA 034, sentido Baú, com três óbitos
1 morte por atropelamento em Aldeias Altas
3 acidentes na zona urbana de Caxias com três óbitos
3 homicídios por arma de fogo na zona urbana de Caxias

2  mortes por descarga elétrica em Aldeias Altas

iCaxias
Números com base no que foi publicado na imprensa local