José da Silva Cavalcante, 42 anos, natural de Caxias (MA), foi morto com um tiro durante assalto a uma casa localizada na Rua Afrânio Coutinho, no bairro Novo Aleixo, em Manaus. O crime ocorreu neste domingo (3). A vítima dormia quando suspeitos invadiram a residência onde ele estava e cometeram o homicídio.

De acordo com a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), o proprietário da residência - primo da vítima - chegava no local com a esposa e um filho quando foram surpreendidos pelos assaltantes, por volta das 21h.

Dois homens e uma mulher, armados, renderam a família e obrigaram que eles entrassem na casa. Cavalcante estava dormindo em um dos quartos quando os assaltantes invadiram o cômodo. De acordo com parentes, ele se assustou com a ação e, em seguida, um dos assaltantes atirou. O disparo atingiu o assistente social no pescoço. O homem chegou a ser socorrido, mas chegou morto à unidade de saúde.

Após roubar celulares, jóias e relógio, os criminosos fugiram. Até a manhã desta segunda-feira (4), nenhum suspeito havia sido identificado pela polícia.

Cavalcante morava com parentes na capital há cerca de um ano. Ele era assistente social, mas atualmente trabalha como corretor de imóveis. Em Caxias foi funcionário público lotado no CRAS do Mutirão.

Em Caxias seus familiares residem no bairro Refinaria, próximo à Selva do Braz. O corpo deve chegar por volta das 15h.

G1 com edição do iCaxias