Acusado negou e afirmou ser inocente (Crédito: Reprodução/TV Meio Norte)
Acusado negou e afirmou ser inocente (Crédito: Reprodução/TV Meio Norte)

Na manhã desta quinta-feira (28), um homem identificado como Tiago da Silva Sales, foi preso pelos policiais do 13º batalhão após ser acusado de abusar sexualmente da própria sobrinha de 5 anos na zona Leste de Teresina.
O acusado, que é lavador de carros, se dirigiu até a delegacia para registrar um boletim de ocorrência contra a mãe da menina afirmando que ela estaria lhe difamando e falando coisas sem veracidade, mas ao chegar no local recebeu voz de prisão.
“A mãe dela não gosta de mim porque na virada do ano ela fez um inferno na minha casa e desde esse dia ela está com raiva de todo mundo”, falou ele.

De acordo com os policiais, a vítima chegou a relatar para um PM que o acusado penetrou o dedo no seu órgão sexual. “A criança relatou para mim, falou na minha frente que ele tinha penetrado o dedo na sua vagina. E ela disse ainda que foram várias as vezes que ele tentou fazer isso”, disse o policial.
O acusado, no entanto, nega. “Os exames vão comprovar que eu não fiz nada, estão dizendo que eu fiz mas os exames vão dar a resposta. Eu fui na delegacia registrar o boletim de ocorrência para provar que não fiz nada. A minha sobrinha tem cinco anos de idade e tudo que a pessoa perguntar ela vai confirmar, eu estou tranquilo porque sei que não fiz nada do que estão me acusando”, afirmou.
O acusado foi levado para a Central de Flagrantes para que o delegado de plantão realize os devidos procedimentos.
Policial afirmou que escutou da menina o que aconteceu (Crédito: Reprodução/TV Meio Norte)
Policial afirmou que escutou da menina o que aconteceu (Crédito: Reprodução/TV Meio Norte)
Acusado disse que menina vai confirmar, mas que é inocente (Crédito: Reprodução/TV Meio Norte)
Acusado disse que menina vai confirmar, mas que é inocente (Crédito: Reprodução/TV Meio Norte)