O período chuvoso faz aumentar o risco de acidentes nas rodovias federais da região Leste Maranhense. Nestas situações, a pista fica escorregadia e a visibilidade diminui. Cuidados simples, como ligar os faróis e revisar itens de segurança obrigatórios, podem evitar tragédias.

Nas últimas 48 horas cinco ocorrências foram registradas pela PRF na BR 316 em Caxias, trecho próximo ao Distrito Industrial, com quatro feridos e dois óbitos.

Na segunda-feira (18), uma Van que seguia de Timon para São Domingos saiu da pista, mas ninguém ficou ferido. Alguns quilômetros depois, em situações diferentes, dois carros saíram da pista, um deles com placa de Coelho Neto capotou.

Ainda na mesma manhã de terça-feira, um Corsa colidiu com uma carreta. No veículo de passeio havia quatro ocupantes, o casal Marcos Paulo Silva da Hora e Edna Barcelar da Hora, ambos de 39 anos tiveram lesões leves. Já o filho Marcos André Barcelar da Hora, 6 anos morreu no local. A filha Andressa Vitória Barcelar da Hora de 1 ano e dez meses de vida veio a óbito horas depois de ter dado entrada no hospital O motorista da carreta não se feriu.




Nesta terça-feira (19), o veículo tipo pikup tombou na altura do Povoado Altos. Havia três pessoas no carro que vinha de Olho d'Água das Cunhãs e seguiam a trabalho de Caxias para Coelho Neto, Dois tiveram ferimentos leves.

Além dos riscos provocados pelas chuvas, os motoristas, também, colocam a vida em risco ao exceder a velocidade e fazer ultrapassagens em locais proibidos e muito ainda combinam álcool com direção. A imprudência ao assumir a direção de um veículo, ainda, é a principal causa da maioria das infrações de trânsito e dos acidentes nas rodovias.


iCaxias