Um vídeo mostra o tenente-coronel Miguel Neto, comandante do 15º Batalhão de Polícia Militar do Maranhão, sediado na cidade de Bacabal-MA, apontando uma arma para o cabo da corporação, identificado como Bandeira.
Nas imagens, o tenente-coronel aparece sacando uma PT. 40 e apontando para o cabo e seu advogado. O comandante ficou furioso quando percebeu que estava sendo filmado pelo advogado do PM. “Não me filme, não. Tira essa porra daqui. Não me filme, não, desgraça!”, disse o tenente-coronel.
Segundo informações repassadas ao Blog do Luis Pablo, o cabo Bandeira foi convocado pelo comandante à sede do BPM para se apresentar. Já prevendo algum problema, o PM levou o advogado, que gravou a conversa do tenente-coronel.
Ainda segundo informações, policiais militares se movimentam para fazer uma paralisação por causa do suposto assédio moral do comando do Miguel Neto. Clique e veja as imagens: