A prisão ocorreu na manhã deste domingo (24) na cidade de Aldeias Altas. A incursão foi feita pelo o Serviço de Inteligência do 2º BPM com apoio dos policiais do destacamento militar naquele município. Na ação foram estourados dois pontos de tráfico de drogas e prenderam três envolvidos.

O trio já vinha sendo monitorado pelo SI do 2º BPM, que a cerca de quinze dias havia recebido denuncia de movimentação suspeita, típico do tráfico de drogas, em duas casas naquela cidade, inclusive com ameaças a moradores da localidade.

Durante a madrugada os agentes do SI receberam informações de que os suspeitos haviam recebido droga para ser comercializada neste domingo, sendo que logo ao amanhecer a comercialização da droga foi iniciada.

A primeira incursão aconteceu por volta de 07h00 da manhã, quando os PMs se aproximavam da casa de Gilson Gomes dos Santos, 26 anos, residente na Vila Costa Pinto, o mesmo tentou esconder a droga sob as palhas da coberta da casa. Os policiais militares observaram a ação do suspeito e fizeram a busca no local e encontraram 32 trouxas de maconha, um pedaço de tablete de maconha prensada, 16 pedras de crack e a quantia de R$ 18 em cédulas de cinco e de dois reais.



A segunda incursão foi realizada às 07h40 na casa de Reginaldo Teixeira Rocha, vulgo “CABEÇÃO”, 26 anos,, onde também os policias militares se depararam com o mesmo traficando “cabeças de crack”. No local os PMs apreenderam 37 pedras de crack, R$ 25 em dinheiro trocado, além de uma arma de fabricação artesanal (garrucha). Na residência também estava Francisco Carlos Monteiro, 24 anos, comparsa de Reginaldo.

Os três suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas foram conduzidos para a Central de Flagrantes em Caxias.

Informações COPOM