Vereador Durval Jr estaria preocupado, pois suas chances de se reeleger são mínimas, diante de suas frustrações pela falta de prestígio no grupo.


A falta de caráter predomina em muitas legislaturas ineficientes em todo o país. Em Caxias, cabe aos leitores, ouvintes, telespectadores, e a própria platéia que acompanha as sessões municipais, para saber se existe ou não o mau-caratismo entre os edis caxienses.

Em muitos discursos ali propalados, seja no pequeno ou grande expediente, o que os vereadores governistas tentam deixar, é uma impressão de estarem do lado do povo, assumindo alguns deles(as), com muita veemência, que são da base alidada do governo. Já outros não se pode tirar a mesma conclusão, pois nada falam nem em prol do prefeito e muito menos em defesa do povo de Caxias.

O verborrágico DURVAL JR tem mais chamado a atenção nos bastidores da política local. O mesmo parece ainda confuso naquela famosa casa do povo, pois muitos ainda duvidam de sua postura posicional no legislativo, verborrágico esse que não sabe se é situacionista ou oposicionista. Em um passado não muito distante, Durval Jr usou a tibuna para externar sua insatisfação com o gestor municipal, relatando em alto e bom som que faltava fazer isso e aquilo no "seu bairro" tamarineiro.

Para não se complicar com o GRANDÃO, o edil reclamou também que o secretário de infra-estrutura não estava atendendo sua solicitação. Na época, muitos já apostavam o seu rompimento com o governo municipal. Mas não passou de fogo de palha, logo nas sessões posteriores, Durval Jr teria recebido um "puxão de orelha", e como todo subalterno, tratou logo de se calar.

Um caso mais recente, Durval Jr trouxe a tona na Câmara Municipal, uma revelação que surpreendeu até mesmo os vereadores de oposição. O edil governista denunciou uma suposta máfia na licitação de Caxias(CPL), onde segundo ele, a CPL estaria favorecendo uma minoria, e disse ainda "Esses comerciantes me relatam que só vende pra Prefeitura do nosso município, empresários cujas empresas funcionam embaixo do braço”, relatou ele afirmando que esses empresários que negociam com o município, “só tem o bloco de nota fiscal”.

Por aí tudo normal, o nobre vereador fez o seu papel como legislador, mas fica uma pergunta que não quer calar;

Porque Durval Jr não tocou mais no assunto CPL de Caxias ?, seria uma chantagem do vereador para tentar barganhar algo com o prefeito ? 

Pois Durval e sua esposa Celia Lorrane vivem "choramingando" pelos corredores, ambos se maldizendo que, com Léo eles não conseguem nada.


Enfim, fica uma frase para refletir: "Agravo vulgar à política é confundi-la com a astúcia." Baltasar Gracián y Morales.




Fonte e Redação: Análio Jr(MTE: 0001413/MA)